Arrecadamos 600 mil reais para garantir a compra de pacotes de internet por 3 meses para 4625 alunos de 31 cursinhos populares espalhados por 10 estados do Brasil



Graças a mobilização de 6843 pessoas incríveis que acreditam no poder de transformação social da educação, vamos proporcionar um Enem menos injusto para esses jovens periféricos.

Por conta da pandemia da Covid-19, as salas de aula foram substituídas por computadores e, num país onde 70% das famílias mais pobres não têm acesso à internet, é impossível dizer que todos os alunos têm as mesmas chances. A mobilização dos estudantes conseguiu o adiamento da prova, e junto dos pré-vestibulares comunitários e de milhares de apoiadores, garantimos internet para milhares de estudantes de periferia que estão se preparando para o Enem.

Nossa luta por uma universidade, e uma sociedade, mais plural e democrática não acaba por aqui, e se você quiser ser avisado das próximas ações por uma educação mais inclusiva, inscreva-se no nosso Whatsapp clicando aqui!


















80%
dos alunos matriculados no ensino médio no Brasil são de escolas estaduais, que estão com aulas suspensas.
fonte
70%
das residências das classes D e E estão afastadas do mundo virtual, sem nenhum acesso à internet.
fonte
1em cada 4
brasileiros não tem acesso à internet.
fonte
Por que entramos nessa?




O Nossas é um laboratório de ativismo que organiza pessoas para gerar impacto na sociedade. Acreditamos na educação como uma ferramenta para mitigar as desigualdades e criar novos futuros. Por isso, criamos campanhas de financiamento como o Somos Cria, para arrecadar fundos para pré-vestibulares comunitários do Rio de Janeiro, e outro financiamento para coletivos de favelas cariocas comprarem cestas básicas e máscaras para seus moradores. Depois da mobilização SemAulaSemEnem, que garantiu o adiamento do Enem, queremos apoiar pré-vestibulares pelo Brasil com o acesso à internet, para garantir uma universidade pública democrática e plural.

Para entrar em contato com a organização da campanha, escreva para contato@nossas.org